5 de dez. de 2020

Ceia de Natal vai ficar mais cara este ano; confira

Em 2020, para vivenciar um das datas mais aguardadas do ano com aquelas iguarias e bebidas que não podem faltar na ceia, os consumidores terão de desembolsar um pouco mais de dinheiro em relação a anos anteriores (Reprodução/TV Jornal)
Nos supermercados de Caruaru, no Agreste pernambucano, o clima já é de Natal e, nem poderia ser diferente, haja vista que o período, que antecede às celebrações pelo nascimento de Cristo, costuma ser bastante favorável em termos de lucratividade. Itens alimentícios que fazem parte da tradicional ceia natalina já se encontram expostos nas prateleiras aguçando ainda mais o desejo de consumo dos caruaruenses. 

Entretanto, em 2020, para vivenciar um das datas mais aguardadas do ano com aquelas iguarias e bebidas que não podem faltar na ceia, os consumidores terão de desembolsar um pouco mais de dinheiro em relação a anos anteriores.

De acordo com reportagem da TV Jornal Interior, devido a pandemia da covid-19, que provocou reajustes nos preços dos alimentos no âmbito geral, saborear a ceia natalina deste ano pesará ainda mais nos bolsos dos clientes.
"Esse produtos sazonais como peru, panetone, dentro outros, costumam ser muito procurados nesta época e tiveram aumentos consideráveis neste fim de ano devido à pandemia e consequente aumento do dólar", confirmou o gerente de supermercado, Daniel Otaviano.
Dicas

Para tentar economizar um pouco de dinheiro em relação à ceia de Natal, a dica do economista Renato Chaves, é fazer a substituição de produtos por outros. 
"Este ano, infelizmente, o ano foi totalmente atípico por causa da pandemia, então, o recomendável é fazer a substituição, por exemplo, de bebidas e alimentos importados por nacionais".
Veja vídeo:


Da redação | PE+ Notícias
Com informações do NE10 Interior

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

.