28 de set de 2019

Retirada de radares aumenta em 7,5% o número de acidentes em Pernambuco

Os radares das rodovias federais pararam de funcionar após determinação do presidente Jair Bolsonaro. (Foto: Reprodução/Internet)
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou um levantamento onde foi constatado que o número de acidentes entre abril e setembro subiram 7,5% nas estradas de Pernambuco, em relação ao mesmo período de 2018. Em agosto deste ano, os radares das rodovias federais pararam de funcionar após determinação do presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com o SOS Estradas, entre os meses de abril e setembro, 2.811 radares foram retirados pelo Governo Federal. De acordo com o especialista de trânsito, Guilherme Araújo, os dados mostram que a maioria dos condutores que estão em excesso de velocidade provocam os acidentes.

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), afirmou por meio de nota que um consórcio foi firmado entre o Governo Federal e uma nova empresa para a instalação de 70 novos radares nas nove rodovias que cortam o Estado, incluindo a BR 232 e a 104.

Da redação | PE mais
Com informações do Portal Mídia Urbana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

.