PEmais é Mais Pernambuco!

22 de jun de 2018

Lombadas eletrônicas são desligadas em estradas de Pernambuco para facilitar acesso a polos de São João


Lombadas eletrônicas instaladas em três rodovias foram desligadas, nesta quinta-feira (21), para facilitar o acesso dos motoristas aos polos de festejos juninos em Pernambuco. De acordo com Departamento Estadual de Estradas de Rodagem (DER), a medida segue até as 5h de segunda-feira (25).

O DER informou que foram desligados os equipamentos das seguintes rodovias: PE-027, em Aldeia, no município de Camaragibe, e PE-035, em Itapissuma, no Grande Recife, bem como BR-232, no Curado, na Zona Oeste da capital.

Durante os festejos juninos, trechos de algumas rodovias no entorno do Recife devem receber um acréscimo de 40% no fluxo de veículos nos horários mais movimentados, na ida e na volta pra casa, de acordo com o DER. O desligamento de lombadas faz parte de ações especiais deflagradas para o período junino.

A meta é da operação também é conscientizar a população sobre a importância de respeitar as leis de trânsito e ter mais responsabilidade ao volante nas estradas. O trabalho educativo segue até o fim deste mês.

A fiscalização nas rodovias estaduais foi reforçada com o apoio do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv). A meta é coibir as irregularidades no trânsito, verificar documentação, condições de conservação e itens de segurança dos veículos, além da averiguação da Carteira Nacional de Habilitação dos condutores.

Agentes do DER também atuam na Operação Lei Seca, coordenada pela Secretaria Estadual de Saúde (SES).

Nesta quinta (21), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) deflagrou a Operação São João 2018. A fiscalização foi intensificada nas estradas, sobretudo as BRs 232, 104, 407 e 428, que dão acesso aos municípios de Gravatá, Bezerros e Caruaru, no Agreste do estado, além de Arcoverde e Petrolina, no Sertão.

Confira as lombadas desligadas

PE-027 (Aldeia) no km 0,7
PE-035 (Itapissuma) nos kms 7,3 e 7,9;
BR-232 (Curado) nos kms 6,2; 6,3; 7,4; 7,8 e 9,2.

Da redação PE mais

21 de jun de 2018


Operação Lava Jato apreende documentos e computadores em empresas e em casas em Pernambuco


A Polícia Federal (PF) em Pernambuco cumpriu, nesta quinta-feira (21), nove de 11 ordens judiciais expedidas para a Operação Greenwich, 52ª fase da Operação Lava Jato. A ação foi deflagrada para apurar crimes praticados contra de subsidiárias da Petrobras.

Os agentes fizeram buscas em empresas e em residências no Recife e em Timbaúba, na Zona da Mata Norte, distante 100 quilômetros da capital, e apreenderam computadores e mídias como CDs, pen drives e HDs.

Dois alvos de mandados de prisão eram o ex-diretor da Petroquisa Djalma Rodrigues de Souza, que já é réu na Lava Jato, e o filho dele, Douglas Campos Pedrosa de Souza. Os mandados não foram cumpridos pela PF em Pernambuco, pois eles não estavam no estado.

Djalma, que tinha dois mandados expedidos, um em Pernambuco e outro no Rio de Janeiro, foi preso no Rio. Já Douglas se apresentou espontaneamente à PF em São Paulo, de acordo com a corporação em Pernambuco. A superintendência da Polícia Federal no Paraná, no entanto, previa a apresentação para o fim da tarde desta quinta.

Segundo a PF, ao todo, 40 policiais federais e servidores da Receita Federal foram acionados. No Recife, eles cumpriram oito ordens judiciais de busca. Por volta das 5h desta quinta (21), viaturas saíram da sede da PF no Recife para cumprir os mandados.

Um dos endereços de busca e apreensão foi da Trinus Office, empresa que oferece compartilhamento de espaço físico para escritórios em Casa Forte, na Zona Norte do Recife. A PF, entrentanto, não informou qual empresa que compartilha o espaço foi o alvo da operação. Ainda em Pernambuco, houve ações em Timbaúba.

Durante as investigações, a PF constatou fraudes em processo de contratação das empresas das subsidiárias da Petrobras em favor da Odebrecht, além de corrupção, crimes financeiros e lavagem de ativos.

Segundo a PF, foi identificado um esquema criminoso que obtinha vantagens para a Odebrecht na obtenção de contratos, em troca de recursos para funcionários da empresa. As quantias eram entregues em espécie ou por meio de remessas para contas bancárias no exterior.

Da redação PE mais

Arraiá da Dinâmica exaltou o povo, a música e as tradições nordestinas


Na última sexta-feira (15) a Escola Dinâmica realizou sua festa junina. O público lotou a quadra da Casa da Criança, o ambiente ganhou uma belíssima decoração e se encheu de bandeirinhas, balões para vivenciar o grandioso 'Arraiá da Dinâmica'.

Explorando o tema "Cultura Nordestina", as turmas realizaram apresentações que provocou encantamento e emoção a familiares e professores. Não faltou capricho nos figurinos e nos detalhes de cada apresentação. A pluralidade cultural do povo nordestino foi retratado por alunos de turmas do Ensino Infantil ao Ensino Médio.


Vestido de Cangaceiro, o diretor Joselito Pedro comandou o cerimonial com muita alegria. O gestor não escondia o orgulho a cada apresentação realizada pelos alunos.
"Impossível não se encantar com todo esse trabalho desenvolvido pela equipe de professores com o apoio das nossas coordenadoras pedagógicas. Tudo muito bem feito e bonito, o figurino, a desenvoltura dos alunos, a escolha do tema e das músicas, tudo isso nos fizeram fazer uma grande viagem pela rica cultura do nosso Nordeste. Esse foi sem dúvida um dos mais lindos eventos juninos que já realizamos", afirmou.

Grandes nomes da Literatura, do teatro e da música nordestina foram exaltados no evento, que contou com o talento e animação do sanfoneiro Fogoió e banda, além da participação da aluna Júlia Costa, participante do programa The Voice Kids da Rede Globo.


Para encerrar, a professora Meryane Amaral convocou todos para participar da tradicional quadrilha matuta 'Junina Dinâmica', o arrasta-pé tomou conta do salão, fechando mais uma edição de sucesso do Arraiá da Dinâmica.

Veja todas as fotos no Blog da Dinâmica

Da redação PE mais.

20 de jun de 2018

Reunião no MPPE estabelece regularização do abastecimento do gás de cozinha até fim de junho


A nova reunião no Ministério Público de Pernambuco para tratar da crise do abastecimento de gás liquefeito de petróleo (GLP) no Estado, realizada nesta terça-feira (19), fixou uma data para que a situação se regularize. Até 30 de junho, os transtornos que a população vem sofrendo para conseguir botijões de gás de cozinha têm de cessar e as vendas precisam voltar ao normal. Os representantes da Petrobras, da Transpetro e das empresas distribuidoras de gás presentes concordaram com a proposta.

“O MPPE está atento aos problemas do desabastecimento de gás GLP em Pernambuco e vem cobrando das empresas responsáveis, públicas e privadas, uma solução. Estamos dando a chance de que acordos e tentativas conjuntas sejam desenvolvidos para não precisarmos judicializar o caso”, comentou o promotor de Justiça Solon Silva Filho, que atua na Defesa do Consumidor. Ele e os promotores de Justiça Maviael Sousa e Liliane Fonseca, que também é coordenadora do Centro de Apoio às Promotorias de Justiça de Defesa do Consumidor, estão à frente dos procedimentos sobre o caso da crise de gás de cozinha em Pernambuco.

No entanto, Petrobras, Transpetro e empresas distribuidoras se dizem tranquilas para cumprir o prazo estipulado. O otimismo é fruto do sucesso obtido no teste de bombeamento simultâneo de gás feito, no último domingo (17), pelos dois dutos da Transpetro, localizados no Complexo Industrial Portuário Governador Eraldo Gueiros (Porto de Suape), que abastecem os caminhões das distribuidoras: Nacional Gás, Liquigás, Ultragás, Copagaz e Supergás.

Segundo todos os presentes e o relatório da Agência Nacional do Petròleo (ANP) apresentado na ocasião, os resultados superaram as expectativas. Houve um ganho de produtividade de quase 50%, que só não foi maior pela não capacidade das distribuidoras de armazenar o incremento total. “Temos capacidade com folga. Basta ter demanda”, revelou o representante da Transpetro Sérgio Vasconcelos. “A operação pode ser mantida enquanto for necessário”, completou.

A operação foi um sucesso pela boa vontade, esforço e sintonia de todos os participantes, concordaram os presentes. A Petrobras assegurou que tem condições de aumentar as cotas das distribuidoras quando solicitarem.

Os representantes das distribuidoras, no entanto, alertaram que não há como tornar o esforço como rotineiro por conta da necessidade de manutenção dos equipamentos e de cláusulas trabalhistas, que limitam o número de horas-extras dos funcionários. Para que houvesse a experiência de domingo, foi preciso um acordo com o sindicato da categoria.

O representante da Petrobras Luiz Leandro de Oliveira informou que o teste ajudou a diminuir o déficit de gás existente e que as entregas da Petrobras foram adiantadas em 11% até o dia do bombeio. “Do dia 1º ao dia 17 de junho, entregamos um montante de gás correspondente 235 mil botijões aproximadamente”, contabilizou ele.

O secretário estadual de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, se propôs a enviar às empresas distribuidoras uma lista dos municípios pernambucanos que estão em condições mais críticas de desabastecimento. O intuito é que haja uma priorização de entrega de botijões nestes locais. Ele também frisou que o Governo do Estado, de agora em diante, irá acompanhar permanentemente a gestão do setor de abastecimento de gás GLP para evitar que novas crises ocorram.

Uma nova reunião no MPPE foi marcada para 2 de julho, onde será avaliado o cumprimento da regularização do abastecimento, assim como novas medidas para que a situação de crise não se repita.

Da redação PE mais



Presidiário é morto a tiros em Santa Cruz do Capibaribe

Foto: Ademilton Silva
Um homem foi morto na manhã de ontem, terça-feira (19), em Santa Cruz do Capibaribe. A vítima era presidiário e utilizava uma tornozeleira eletrônica. Dimas Bezerra de Farias (26 anos) foi assassinado no bairro Palestina, ele foi atingido por disparos de arma de fogo no momento em que abria as portas de uma oficina de motocicletas.

Testemunhas relataram que o mesmo foi abordado por dois indivíduos em uma motocicleta de cor azul, estes que se aproximaram do mesmo e efetuaram os disparos. A Polícia Civil já iniciou as investigações e irá apurar a autoria do crime. O corpo foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

Com informações do blog do Bruno Muniz

Pré-candidato petista critica anúncio de aliança de Marília Arraes

Dirigente do PT e pré-candidato ao Governo do Estado José de Oliveira
ELEIÇÕES 2018: O anúncio da aliança firmada entre a vereadora Marília Arraes (PT) e o deputado federal Silvio Costa (Avante), realizado nesta terça-feira (19), gerou reação de outro pré-candidato do PT ao Governo do Estado. O dirigente partidário José de Oliveira, que apresentou seu nome como possibilidade da legenda de disputar o posto de chefe do Executivo, criticou a petista e disse que o posicionamento da correligionária “está indo frontalmente de encontro a tudo que foi decidido nacionalmente pelo nosso partido”.
“É lamentável presenciar essa postura da pré-candidata Marília Arraes em chamar uma entrevista coletiva para anunciar a formação de uma chapa, tendo em vista as considerações feitas pelo PT nacional”, disse Oliveira em nota. 
No texto, ele afirma que Marília Arraes “precisa entender definitivamente que existem outras pré-candidaturas dentro do PT, a exemplo da candidatura do deputado estadual Odacy Amorim e da candidatura do dirigente do PT José de Oliveira, como também a posição da aliança com o PSB defendida pelo senador Humberto Costa e pelo vice-presidente do PT Oscar Paes Barreto”. Ele ainda lembra que o debate aliança versus candidatura própria está sendo conduzido à luz do Estatuto e das resoluções aprovadas pelo partido.

José de Oliveira ainda relembra o processo de saída de Marília Arraes do PSB.

“Marília Arraes precisa entender definitivamente que a fórmula que ela usou no PSB para pressionar o saudoso Eduardo Campos, não vai funcionar também com os dirigentes estaduais do PT de Pernambuco, logo, ela precisa respeitar a direção estadual e nacional do partido que aprovou uma resolução no dia 16 de dezembro de 2017”, declarou, relembrando o conteúdo da resolução do PT nacional, que diz que a estratégia eleitoral levará em conta as dinâmicas regionais, mas afirmando a supremacia do projeto nacional sobre as disputas locais. E que toda definição terá que ser submetida à Comissão Executiva Nacional.

Por fim, José de Oliveira afirma que a direção estadual do PT precisa “chamar o feito à ordem”, no que chamou de “desalinhamento” de Marília Arraes com a direção estadual do PT-PE.

Da Folha PE

19 de jun de 2018


Marília anuncia aliança com Silvio Costa para formação de chapa


Um dos maiores defensores da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) durante o processo de impeachment, o deputado federal Silvio Costa (Avante) fechou uma aliança com a vereadora do Recife e pré-candidata ao Governo do Estado Marília Arraes (PT). Sílvio é pré-candidato a senador na chapa que a petista tenta consolidar. O anúncio ocorreu na manhã desta terça-feira (19), em coletiva de imprensa, no Recife Praia Hotel.

Para os apoiadores da pré-candidatura de Marília, essa aliança minimiza as críticas com relação ao isolamento da vereadora dentro do partido - isso porque, para os que defendem uma aliança com o PSB, o PT não pode ficar no isolamento e a união com os socialistas significa ter mais chances na disputa eleitoral de outubro deste ano. O anúncio do apoio de Silvio Costa dá certa robustez para a pré-candidatura dela. 

Apesar das articulações, ainda não é certo que Marília Arraes vai se candidatar ao Governo do Estado, pois o seu futuro depende do diretório nacional da sigla, que baterá o martelo no mês de julho. A união com o deputado federal traz o Avante para a chapa, o que dá uma certa força para a petista pleitear a chance de se candidatar ao Palácio do Campo das Princesas com o apoio do diretório nacional. Enquanto isso, a vereadora se articula e aguarda uma posição do partido, que anda em negociação com o PSB.

Ir para o palanque de Marília Arraes distancia cada vez mais o deputado federal Silvio Costa do senador Armando Monteiro Neto (PTB), com quem manteve uma relação muito próxima de aliado.

Assista a coletiva:

Da redação PE mais

Parque das Feiras de Toritama envia nota sobre ação de fiscais contra vendedor de água mineral em Toritama


A diretoria do Parque das Feiras de Toritama enviou nota sobre um episódio envolvendo um menor de idade e que repercutiu negativamente em redes sociais. Trata-se da retirada de forma truculenta, por parte de fiscais, de um adolescente que tentava vender água mineral, segundo populares, na área do estacionamento do Parque de Feiras.

A retirada teria acontecido em virtude o mesmo tentar vender água antes do horário permitido para realização de atividades comerciais no espaço. O episódio foi registrado por populares, assim como a revolta dos mesmos em defesa do adolescente.

Confira a nota abaixo:


Da redação PE mais
Com informações do Blog do Ney Lima

18 de jun de 2018

MPCO pede suspensão de empréstimo de 83 milhões da Prefeitura de Caruaru


O Ministério Público de Contas de Pernambuco (MPCO) pediu a suspensão do empréstimo de R$ 83 milhões da Prefeitura de Caruaru com a Caixa Econômica Federal (CEF). O MPCO alega quatro indícios de irregularidades, que recomendariam, segundo o órgão, a suspensão do empréstimo, até uma análise mais aprofundada pelos auditores do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Por meio de nota, a Prefeitura de Caruaru informou que "a cautelar ainda não foi julgada e o município está apresentando a defesa. A gestão municipal também destacou que é importante relembrar que a linha de financiamento de investimentos em questão foi objeto de um processo seletivo e o empréstimo servirá para execução de diversos serviços estruturais".

Segundo o MPCO, o empréstimo seria inconstitucional, por vincular o pagamento do empréstimo nas receitas do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O MPCO ainda questionou o fato do empréstimo estar planejado para ser gasto no atual mandato, mas ser pago apenas nos três futuros mandatos, podendo atingir os próximos prefeitos eleitos.

O MPCO ainda apontou que "a situação fiscal de Caruaru é frágil, para suportar as despesas de capital de R$ 83 milhões por um único empréstimo". O Ministério quer que os auditores do TCE façam um parecer técnico, analisando a viabilidade jurídica e fiscal do empréstimo.

Da redação PE mais


Jornalista nascida em Taquaritinga do Norte recebe Título de Cidadã Campinense nesta terça (19)

Denise Delmiro vive em Campina Grande há dez anos (Foto: Leonardo Silva)
A apresentadora do JPB 1ª Edição da TV Paraíba, Denise Delmiro, vai ganhar o Título de Cidadã Campinense. A entrega da honraria será nesta terça-feira (19), às 19h, em uma solenidade no plenário da Câmara Municipal de Campina Grande. A propositura é de autoria do vereador Lucas Ribeiro (PP), e foi aprovada com unanimidade pelos parlamentares da casa.

Nascida em Taquaritinga do Norte, município localizado no Agreste pernambucano, a jornalista vive há dez anos na terra do Maior São João do Mundo, onde fez graduação em Comunicação Social pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB).

Seu primeiro contato profissional com o jornalismo da Rainha da Borborema foi no Jornal da Paraíba, onde trabalhou na equipe de um dos colunistas sociais. Logo depois, entrou no time da TV Paraíba, passando pela produção e reportagem da afiliada Globo, até assumir, em 2012, a apresentação do JPB 1ª Edição.

De lá pra cá, Denise tem se dedicado à tarefa diária de levar informação de qualidade aos telespectadores, tornando-se a principal companhia do público paraibano que não abre mão do jornalismo responsável na hora do almoço.
“É muita emoção receber esse título. Eu sempre me senti filha de Campina, cidade que me abraçou e me acolheu. Eu sou muito feliz no lugar que escolhi para construir minha vida profissional e pessoal”, comemorou.
Com informações da TV Paraíba

.

.