30 de nov de 2017

Estudantes de Taquaritinga do Norte estão há 4 meses sem receber o auxílio 'Bolsa Universitária'

Em Taquaritinga do Norte o auxílio 'Bolsa Universitária' é o assunto em questão, o pesadelo vivido por estudantes universitários do município na gestão do ex-prefeito Evilásio Araújo que passou mais de um ano se realizar o pagamento aos estudantes, parece voltar a se repetir na administração do prefeito Lero Ivanildo (PR), que já acumula quatro meses sem pagar o auxílio.

No inicio do ano o prefeito Lero enviou a câmara municipal o Projeto de Lei Municipal nº 01/2017 referente a concessão de bolsas de estudo a alunos universitários carentes, o texto do projeto traz alterações e estabelece um gasto mensal de 10 mil reais para manter o auxílio, a proposta foi revisada e o presidente da casa, vereador Eraldo da Pedra Preta, juntamente com a bancada de situação sugeriram que o gasto fosse de 12 mil reais mensais.

O projeto causou polêmica pois no paragrafo 3º do artigo 2º diz: Fica o benefício condicionado à existência de recursos financeiros e ao preenchimento dos requisitos previstos nesta lei. Sabendo que quem vai dizer se tem recursos financeiros, ou não, é o Poder Executivo.

A equipe do blog PE mais entrou em contato com o secretário municipal de Educação, Marcos Augusto, que falou sobre a situação.

Secretário de Educação de Taquaritinga do Norte |  Foto: Divulgação/PMTN
"De acordo com a secretaria de finanças, dia 10 sairá uma parte e até o dia 30 de dezembro sai o restante, no começo do ano foi pago em duas vezes, dependendo do recurso que entrar dia 10 será pago o valor referente a 2 ou 3 meses, e a previsão é de que feche o ano com tudo quitado", explicou.
Com o projeto aprovado na câmara, o Poder Executivo ficou acobertado, podendo assim não cumprir uma lei proposta por ele mesmo, e não se prejudicar. Outro ponto polêmico sobre o auxílio em Taquaritinga é o valor repassado a estudantes que necessitam de transporte para faculdade em apenas um dia da semana, a quem a prefeitura repassa apenas dez reais.

Da redação | PE mais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

.