28 de out de 2017

“Transformaram o hospital municipal em uma clínica particular", diz o vereador Claudinho na câmara de Taquaritinga

Vereador Claudinho de Tontom (PSD) | Foto: Assessoria/Câmara
Na última reunião legislativa, que aconteceu na tarde da quarta-feira (25), na câmara de vereadores de Taquaritinga do Norte, o vereador oposicionista Claudinho de Tonton (PSD), ao usar a tribuna iniciou suas palavras ressaltando sua luta por melhorias na PE-130.
“Taquaritinga recebe o tapa buracos na PE-130, que é uma obra do Governo do Estado, sabemos que é um paliativo e não vamos nos acomodar, vamos insistir e buscar todos os meios para que essa via receba o recapeamento, que sem dúvidas é a solução ideal. Cobrei e vou continuar cobrando do Governo do Estado, podem ter certeza disso!”, disse o vereador, que dentre outras iniciativas, também já apresentou requerimento na Câmara Municipal e encaminhou para a Secretaria de Transportes do Estado. 
Na oportunidade, o parlamentar ainda esclareceu que recebeu informações que pacientes do Hospital Geral Severino Pereira da Silva, estão pagando para usufruir de alguns serviços na referida Unidade de Saúde, e alertou para gravidade da situação:
“Essa realidade é um absurdo, percebo que o líder do Governo, Excelentíssimo vereador Geovane Pequeno Cézar, busca justificar, apontando que o mesmo acontece no hospital da cidade de Vertentes. Não sei se ele tem conhecimento, mas a verdade é que o hospital de Vertentes é regido pelo direito privado, é filantrópico, portanto ele pode cobrar pelos serviços prestados, diferente do hospital de Taquaritinga do Norte que é regido pelo direito público”, explicou.
Ainda sobre essa provável irregularidade, o vereador continuou:
“Transformaram o hospital municipal em uma clínica particular, ao cobrar por alguns serviços. Afirmo mais uma vez, nenhum tipo de cirurgia ou de qualquer serviço por ser cobrado no nosso hospital. Me comprometo juntamente aos colegas de bancada, a averiguar essa situação de perto...Vamos fiscalizar, cobrar recursos, estar junto lutando por melhorias na saúde do nosso município, para garantir que a população de Taquaritinga não precise vivenciar esse tipo de coisa. Vamos cobrar, fiscalizar para que isso não permaneça acontecendo!”Afirmou o parlamentar.
Em suas palavras, Claudinho de Tonton, também fez sérias criticas ao decreto número 50/2017, que segundo o parlamentar, nada mais é que uma manobra, uma vez que faz um corte em despesas que deveriam ter sido evitadas desde o início do ano. 
“ Esse decreto é um desrespeito, uma prova de que inchou-se a máquina pública durante todo o ano, gastou-se mais do que o permitido”, disse.
Ainda de acordo com o parlamentar, o que está expresso no decreto é valido apenas para os dois últimos meses do ano.
"O Prefeito Lero segue a mesma herança deixada pelo ex-prefeito Evilásio Araújo. Tudo isso prova que lamentavelmente, não há uma nova história em construção, segue-se a velha prática de um Governo sem responsabilidade e planejamento", encerrou.
Da Redação | PE mais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

.