26 de out de 2017

Pernambuco volta a registrar crescimento no rebanho

Imagem: Divulgação
Após enfrentar seis anos consecutivos de seca, os pecuaristas de Pernambuco comemoram o início da recuperação dos rebanhos depois da temporada de chuvas registradas este ano, que contribuíram para a formação de pastos e enchimento dos açudes.

Em Taquaritinga do Norte, no Agreste, por exemplo, conforme dados da ADAGRO-PE, o rebanho do município diminuiu com o prolongamento da seca nos últimos anos. Em 2011 conforme dados, havia 571 produtores para 10,092 cabeças de gado. No decorrer dos anos de estiagem, houve uma diminuição no rebanho (para 6,713) e de produtores rurais (para 490), conforme a 1ª etapa ocorrida em maio desse ano.

Em consequência da melhoria das condições climáticas, o rebanho de bovinos no estado voltou a crescer e passou de 1.6 milhão de cabeças no ano passado para 1,8 milhão este ano. A produção de leite subiu de 1,5 milhão de litros/dia para 1,8 milhão. Já o rebanho de caprinos cresceu de 2,6 milhões para 2,7 milhões de cabeças e o de ovinos passou de 2,7 milhão para 2,8 milhões de animais.

Da redação | PE mais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

.