9 de jan de 2017

'Domingão do Faustão' conta história de família tradicional de Taquaritinga do Norte

Renata Longaray e Faustão recebem Dona Linal no 'Domingão' (Foto: Inácio Moraes/Gshow)
A vida de Dona Severina Figueirôa, de 84 anos, sempre foi muito simples no interior de Pernambuco. Com a criação de galinhas e a inchada nas mãos, ela encontrou o caminho para criar, educar alfabetizar os 12 filhos, ao lado do parceiro, Henrique de Melo, de 94 anos, com quem está casada há 70 anos. Hoje, com 24 netos, 12 bisnetos e os filhos todos formados e alguns pós-graduados, ela relembra parte da história no palco do Domingão do Faustão.

A repórter Renata Longaray, que garimpou a história da família que reside em Taquaritinga do Norte, relembra que Dona Linal, como Severina carinhosamente é chamada, sempre foi uma pessoa otimista e nunca deixou faltar nada aos herdeiros.

Henrique, marido de Dona Linal, tem 94 anos (Foto: Inácio Moraes/Gshow)
Apesar de só ter frequentado o primeiro ano do colégio, ela correu atrás de informações para ensinar os filhos a lerem os primeiros livros. Das galinhas que criava, tirava os ovos, parte também para servir os familiares. "Mas também criava galinha e vendia os ovos para comprar lápis e caderno." E emenda: "Às vezes, faltava ovo para jantar". A família, ainda assim, sempre se ajustou e se ajudou.

Com orgulho, a trabalhadora guarda foto por foto das graduações e viagens dos filhos, hoje todos adultos.

Reveja a participação de Dona Linal no Domingão do Faustão:


Da Redação | PEmais
Com informações do GShow

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

.