12 de set de 2015

Hospital Municipal de Santa Cruz do Capibaribe vira referência na região do Polo


O Hospital Municipal Raimundo Aragão em Santa Cruz do Capibaribe, vem ganhando reconhecimento pelo atendimento prestado à população de Santa Cruz e cidades vizinhas. Além dos atendimentos rotineiros de Santa Cruz, tem sido comum encontrar carros e ambulâncias de municípios vizinhos trazendo pacientes para serem atendidos no hospital da região que atende mais pacientes.



Seu corpo clinico é formado por profissionais renomados que atendem de maneira mais humanizada possível. Na última quinta (10), vários pacientes de cidades vizinhas, devido a certeza de um bom atendimento, principalmente dos distritos de Pão de Açúcar em Taquaritinga do Norte e São Domingos em Brejo da Madre de Deus, procuraram atendimento no hospital Raimundo Aragão.

Segundo o diretor clínico do hospital, o médico Dr. Tiago Costa, é rotineiro pacientes de cidades vizinhas de Santa Cruz, do sertão de Pernambuco e até da Paraíba virem buscar atendimento no hospital Raimundo Aragão.
“É comum em nossos plantões recebermos pacientes de cidades como São José do Egito no sertão do estado, de Barra de São Miguel do estado da Paraíba, sem contar com o grande número de pacientes das cidades vizinhas como Brejo, Taquaritinga e Jataúba, isso só mostra que o Hospital na gestão do prefeito Edson Vieira virou referência na região. Aqui contamos com três plantonista diariamente, para dar um melhor e mais humanizado atendimento”, falou Dr. Tiago Costa.
.

Tudo isso só é possível, graças ao empenho do prefeito que investe cerca de 34% das receitas da prefeitura em saúde. Segundo o secretário Breno Feitoza, o dinheiro repassado pelo governo federal para manter os dois hospitais e as três policlínicas, não dá para pagar um terço dos salários dos funcionários do hospital municipal.
“O governo federal nos envia mensalmente cerca de 250 mil reais, pra mantermos os hospitais Materno Infantil e Raimundo Aragão, os AME´s e a policlínica Dr. Walter Aragão, e só a folha de pagamento do hospital Raimundo Aragão beira 1 milhão de reais, ai fica medicamentos e todas as outras despesas das unidades como funcionários, combustível para ambulâncias entre outras despesas por conta da prefeitura, e isso só funciona quando temos uma equipe empenhada e comprometida em fazer a máquina andar e o empenho e do prefeito que prioriza a saúde da população em sua gestão”, falou Breno, secretário de saúde.
Durante os dois primeiros anos da gestão do prefeito Edson Vieira, o hospital foi reformado, climatizado e conta com plantonistas todos os dias, além de adquirir novas ambulâncias para dar suporte ao hospital.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

.