26 de ago de 2015

Zé Augusto desmancha ‘Chapa da União’, retira Tallys da vice e indica Galego de Mourinha para compor majoritária com Fernando Aragão


O ex-deputado federal Zé Augusto Maia não suportou a pressão e cedeu no inicio da tarde desta quarta-feira, quando demoveu seu filho Tallys Maia da ideia de disputar a prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe pelo grupo Taboquinha.

O ex-deputado enviou comunicado à imprensa onde comunica a decisão e tenta justifica-la.
“A decisão de retirar o nome de seu filho por Galego já vinha sendo meditada por Zé, mas só foi tomada na manhã de hoje e seria anunciada junto com Galego no programa Comando Geral, porém Galego e Zé preferiram primeiro comunicar a Fernando e isso só foi feito após o término do programa”, diz o texto. 
"O tempo todo eu vinha afirmando, que tudo faria pela união. Desisti de ser candidato à Federal, à Estadual e também à Prefeito, inclusive estou abrindo mão da indicação do nome do meu filho Tallys Maia, direito que me foi dado por todos os líderes. Quero tranquilizar a todos, vou continuar com toda a garra e esperança de uma grande campanha vitoriosa de Fernando Aragão e Galego de Mourinha. Esta minha atitude não deixará dúvida, não quero magoar ninguém, só quero paz para mim e para todos os companheiros", falou Zé Augusto no material enviado à mídia local.
Tallys Maia também se pronunciou sobre o caso e tentou não demonstrar ressentimento algum com o fato do seu nome ter sido descartado a chapa.
"Meu pai e milhares acreditavam que meu nome era como se fosse ele representado na chapa. No entanto, alguns questionaram ser imposição e isto jamais foi praticado por ele. Dou meu total apoio às decisões dele, porque assim como eu, sempre colocou o bem do partido à frente de tudo. Perdoou na hora que foi preciso e aguerrido quando precisou. Hoje estamos construindo uma nova história", disse Tallys Maia.
Informações do blog de César Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

.