4 de jul de 2015

Com críticas ao governo federal, PSB se reúne para debater crise

Foto: Reprodução/Twitter @jc_pe
Realizado na manhã de ontem, sexta-feira (3), o encontro “Diálogo Brasil: Reflexões sobre o Brasil e os Caminhos Democráticos”, promovido pela Fundação João Mangabeira, reúne os principais nomes da executiva do PSB.

Durante o evento críticas ao governo federal foram feitas. O ex-petista Mauricio Rands afirmou que “o tempo do PT passou, nacionalmente e aqui (Pernambuco)”. Já o governador do Estado, Paulo Câmara, disse que “O Brasil vive uma crise, de uma administração que a gente questiona muito”.

Entre os presentes estiveram, além do governador Paulo Câmara (PSB), o prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), o presidente nacional da sigla, Carlos Siqueira, o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, e o vice-governador de São Paulo e Márcio França. A ex-primeira-dama de Pernambuco Renata Campos e a senadora Marta Suplicy também participaram do encontro.

O prefeito Geraldo Julio também fez uso da palavra para criticar o governo Dilma. “Temos que manter o papel de independência e oposição a esse governo (Dilma)”. O prefeito disse ainda que “o Brasil estaria em situação diferente se Eduardo Campos estivesse aqui hoje”, disse Geraldo Julio após criticar o PT.

Na ocasião, Paulo Câmara apresentou o modelo de gestão implantado em Pernambuco. O evento, que , é promovido em parceria com as fundações Astrojildo Pereira, Herbert Daniel e 1º de Maio aconteceu no Hotel Golden Tulip, em Boa Viagem.

O encontro ainda contou com as contribuições da ex-secretária da Fazenda do Estado, Tânia Bacelar. O seminário, que já rodou o Brasil coletando propostas da sociedade, discute o “Desenvolvimento Regional e o Pacto Federativo”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

.