08/05/2013

Projovem Trabalhador 2013 com inscrições abertas

A Secretaria de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo está com inscrições abertas para o ProJovem Trabalhador – Juventude Cidadã, que será realizado em 49 municípios do Estado, disponibilizando um total de 3.275 vagas.

Municípios beneficiados: Afrânio, Altinho, Amaraji, Angelim, Araçoiaba, Araripina, Barra de Guabiraba, Barreiros, Belém de São Francisco, Betânia, Bezerros, Bom Conselho, Cabo de Santo Agostinho, Cabrobó, Camocim de São Félix, Camutanga, Canhotinho, Carnaíba, Caruaru,Catende, Condado, Correntes, Cumaru, Dormentes, Escada, Exu, Feira Nova, Garanhuns, Goiana, Granito, Ibirajuba, Igarassu, Ipubi, Itacuruba, Itamaracá, Jaboatão dos Guararapes, Jaqueira, João Alfredo, Jurema, Lagoa dos Gatos, Lagoa Grande, Limoeiro, Machados, Maraial, Olinda, Orobó, Palmares, Palmeirina, Paudalho, Pesqueira, Petrolândia, Petrolina, Primavera, Recife, Riacho das Almas, Ribeirão, Salgadinho, Salgueiro, Santa Filomena, Santa Maria da Boa Vista, São Caitano, São João, São José do Egito, Serra Talhada, Sertânia, Surubim, Taquaritinga do Norte, Venturosa, Xexéu.

Tal processo será realizado juntamente com a Secretaria de Educação do Estado, através das escolas estaduais de Ensino Médio e de Referência, além de das Prefeituras Municipais.

O Projovem Trabalhador é uma parceria do Ministério do Trabalho e Emprego com o Governo do Estado de Pernambuco, através da Secretaria do Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo e Secretaria de Educação, oferecendo cursos profissionalizantes para jovens com idade entre 18 e 29 anos, com o objetivo de inseri-los no mercado de trabalho e/ou na geração de renda.
Público-alvo:

O Projovem Trabalhador beneficiará em Pernambuco jovens e adultos de 18 a 29 anos, que estejam em situação de desemprego e sejam membros de famílias com renda mensal de até um salário mínimo, que, em virtude de suas condições sócio-econômicas, têm maior dificuldade de inserção na atividade produtiva, ou seja, de maior vulnerabilidade frente ao mundo do trabalho e que:

I – estejam cursando ou tenham concluído o ensino fundamental;
II – estejam cursando ou tenham concluído o ensino médio, e não estejam cursando ou tenham concluído o ensino superior.

O Programa tem Carga horária de 350 horas-aulas, sendo 100 horas-aulas destinadas aos conteúdos da qualificação social e 250 horas-aulas destinadas aos conteúdos dos arcos da qualificação profissional.

Os cursos estão distribuídos nas seguintes áreas:

• Administração
• Agroextrativismo
• Alimentação
• Arte e Cultura I
• Arte e Cultura II
• Comunicação e Marketing Social
• Construção e Reparos I
• Construção e Reparos II
• Educação
• Esporte e Lazer
• Gráfica
• Madeira e Móveis
• Metalmecânica I
• Metalmecânica II
• Saúde
• Serviços Domésticos I
• Serviços Domésticos II
• Serviços Pessoais
• Telemática
• Transporte
• Turismo e Hospitalidade
• Vestuário


O processo de inscrição para o Projeto Pro-Jovem trabalhador é realizado da seguinte forma: o canditado se inscreve nos cursos de forma on-line, através do link http://sistemas.stqe.pe.gov.br/inscricao.


Bolsa-auxílio:

A bolsa-auxílio é no valor de R$ 100,00 para os que fazem parte do Projeto. O pagamento será feito da seguinte forma:

• 1º Período – 60 horas da qualificação social;
• 2º Período – 60 horas, sendo 40hs de qualificação social + 20 horas de qualificação profissional;
• 3º Período – 60 horas da qualificação profissional;
• 4º Período – 60 horas da qualificação profissional;
• 5º Período – 60 horas da qualificação profissional;
• 6º Período – 50 horas da qualificação profissional

Para o jovem ter direito à bolsa-auxílio, ele deve ter no mínimo 75% de cada período. Isso significa que o jovem deve ter o mínimo de 45 horas de presença nos períodos de 60 horas e ter 37 horas e 30 minutos de presença no período de 50 horas.


Municípios e Escolas:

As ações de qualificação social e profissional do Programa ProJovem Trabalhador, serão realizadas em 49 municípios do estado, buscando priorizar os alunos egressos de Ensino Médio ou cursando, através de parceria com as Escolas Estaduais de Ensino Médio e de Referência, bem como diversos Municípios do Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário